Ganhe frete grátis - Faltam R$500,00
6 Dicas para preservar o colágeno na sua pele

Dicas de Estética

6 Dicas para preservar o colágeno na sua pele

A redução da produção de colágeno pode chegar a até 40% a partir dos 30 anos. Para não sofrer as consequências disso na pele, confira essas dicas imperdíveis.

imagem do author

Amanda Lôbo

Atualizado há 3 semanas • 4 min de leitura

Uma das proteínas estruturais mais importantes e abundantes do corpo, o colágeno é essencial para promover o fortalecimento das células da pele e aumentar a elasticidade, a hidratação e a firmeza. Por esse motivo, sua carência pode causar flacidez e enfraquecer as unhas e os cabelos, podendo provocar consequências mais graves em ossos e articulações, aumentando o risco de fraturas. 

E então, que tal se prevenir desses efeitos? Confira 6 dicas incríveis para preservar o colágeno na sua pele.

Por que a produção natural de colágeno é reduzida?

Alguns dos motivos para a deficiência da produção natural de colágeno são de causas naturais e por isso podem ser prevenidos, outros já provém de doenças ou condições hereditárias, que poderão ou não ser remediadas. O importante é ter consciência das possíveis consequências e assim adotar o máximo de hábitos possíveis para minimizar os efeitos da deficiência dessa substância.

A situação mais comum é realmente no processo natural de envelhecimento, quando a regulação hormonal sofre grandes alterações. A partir dos 30 anos a produção de colágeno pelo organismo reduz em torno de 1% e a partir dos 50 anos, a porcentagem aumenta para 35% a 40%

Mas existem também as causas relacionadas a fatores externos, como o tabagismo e a exposição excessiva aos raios solares. Nesses casos, não só a produção natural é prejudicada, como também a estruturação do colágeno já existente, que se torna mais frágil e menos eficiente.

O que ocorre com a deficiência de colágeno?

A deficiência de colágeno começa a apresentar sinais a partir dos 25 anos e os sintomas envolvem:

  • Envelhecimento da pele;
  • Desidratação, aspereza e sequidão da pele;
  • Unhas e cabelos com fios quebradiços;
  • Flacidez no corpo, principalmente após o emagrecimento, gravidez ou cirurgias;
  • Perda de força muscular;
  • Lesões e dores após a prática de exercícios físicos;
  • Redução da eficiência do processo de cicatrização de cortes, machucados e feridas.

Além dessas consequências, em caso de deficiência aguda, outras mais graves podem surgir, como o desenvolvimento de doenças que afetam os músculos e o esqueleto, como a osteoporose ou danos nos músculos cardíacos, favorecendo o aparecimento de cardiomiopatias.

Como preservar o colágeno na pele?

Considerando as causas e as consequências da irregularidade na produção natural de colágeno pelo organismo, vale praticar à risca as 6 dicas a seguir:

  1. Adote uma alimentação saudável: invista em alimentos ricos em vitamina A, presente em vegetais de cor verde, vermelha, laranja ou amarela; enxofre, encontrado em ovos, pepino e alho; ômega 3, presente em peixes, chia, abacate e linhaça; licopeno, encontrado na beterraba, no tomate e na melancia; e lisina, presente em carnes, ovos, aves e tofu;

  2. Evite exposição excessiva à luz solar: utilize sempre Hidrasol Fotoprotetor Facial na sua rotina de cuidados com a pele. A exposição excessiva aos raios solares pode gerar o aumento da produção de radicais livres, agentes que danificam as moléculas de colágeno;

  3. Não coma açúcar em excesso: o excesso da ingestão de açúcar danifica a integridade dos tecidos da pele, dificultando a eficiência do colágeno em manter a estruturação das células cutâneas;

  4. Fuja do sedentarismo: pratique exercícios físicos regularmente, isso irá contribuir para a prevenção do envelhecimento precoce, com o qual os hormônios ficam desregulados antes do previsto, alterando a produção natural de colágeno pelo corpo;

  5. Utilize cosméticos tópicos: existem alguns cosméticos formulados à base de colágeno que podem prevenir e amenizar os efeitos da deficiência dessa substância no corpo, proporcionando firmeza e rejuvenescimento para a pele. Experimente o Firm Flaccid Nano Fluido Remineralizante, um fortalecedor ortomolecular da estrutura da pele facial e corporal, e dos cabelos; e o Miracle 4D Nano Sérum Restaurador, um sérum capaz de proporcionar preenchimento natural, firmeza, clareamento e hidratação profunda;

  6. Invista em nutricosméticos eficientes: conheça o Colágeno com Ácido Hialurônico e Verisol®, um nutricosmético capaz de transformar a pele de dentro para fora. Com a tecnologia Verisol®, ele estimula a produção natural de colágeno pelo próprio organismo, proporcionando uma pele mais hidratada, firme e lisa, cabelos mais fortes e unhas mais resistentes.

E então, pronto(a) para cuidar melhor da pele e do corpo e se prevenir da deficiência de colágeno? Aproveite para para aprofundar no assunto conferindo outros conteúdos relacionados no nosso Blog Estética:

Colágeno: descubra porque você precisa dele na sua rotina

Conheça o Colágeno com Ácido Hialurônico e Verisol®

Receitas para você inserir o Colágeno Verisol® na sua rotina

Referências

ZAGUE, Vivian e MACHADO-SANTELLI, Gláucia Maria. Bases Científicas os Efeitos da Suplementação Oral com Colágeno Hidrolisado na Pele. Disponível em: https://www.vponline.com.br/portal/noticia/pdf/60f70519d95198c164a1ea01eb85f156.pdf. Acesso em abr.2022.

GERMANO, Maria da Conceição Matos. PEIXOTO, Jadson Demétrios Dantas. LIMA, Jamilly Lorrany dos Santos. PESSOA, Cinara Vidal. Colágeno e os benefícios para pele. Disponível em: http://publicacoesacademicas.unicatolicaquixada.edu.br/index.php/mostracientificafarmacia/article/view/1226. Acesso em abr.2022.

Produtos Relacionados

Comentários

Seja o primeiro a comentar nosso blog.
CARRINHO
CARREGANDO...
Ajuda